Pesquisar

 

Enfermagem de Saúde Coletiva.
Ementa

Processo de cuidar em enfermagem na saúde coletiva.Teoria e prática de enfermagem no campo Saúde Coletiva; novos modelos assistenciais de enfermagem e Saúde Coletiva; organização e reorganização da rede de serviços à população; processo de trabalho em Saúde Coletiva; teorização de enfermagem e processo de cuidar em Saúde Coletiva. Práticas de cuidar em enfermagem no processo saúde-doença dos grupos humanos. Cuidado de enfermagem aos diversos segmentos da população – crianças, adolescentes, adultos, famílias, grupos especiais (idosos, portadores de dificuldades em nível cognitivo, sensorial, motor e outros) com vistas a responder as necessidades de extensão de cobertura sanitária; integralidade das ações de saúde e o cuidado de enfermagem; tecnologias apropriadas às práticas de cuidar em saúde coletiva; cuidar em saúde coletiva e a humanização do cuidado de enfermagem; aspectos epistemológicos relacionados com a assistência à pesquisa e à produção científica de enfermagem em Saúde Coletiva. Políticas públicas e seu impacto na saúde da população. Processo de formulação e decisão das políticas sociais no âmbito da saúde pública; a inserção do enfermeiro; dinâmica dos processos de formulação de estratégias político-assistenciais no sistema de saúde; as necessidades de saúde; as políticas de saúde e a participação do enfermeiro. Estudos comparados latino-americanos nas áreas de seguridade social.Políticas de saúde e enfermagem de saúde coletiva; educação em saúde na prática de saúde coletiva.

Enfermagem e Saúde do Trabalhador. 
Ementa

A saúde dos trabalhadores de enfermagem e o trabalho de enfermagem.O trabalho de Enfermagem - contextualização histórica. Subjetividade e sentido do trabalho. Riscos do trabalho. Mercado de trabalho e força de trabalho. Organização dos trabalhadores de Enfermagem. A enfermagem e a saúde do trabalhador. O mundo do trabalho - evolução histórica. Organização política, trabalho e saúde. Estudo das problemáticas econômicas, políticas, sociais e humanas de diferentes grupos de trabalhadores na sociedade. Processo de trabalho e riscos para a saúde do trabalhador. Organização do trabalho.

História da Enfermagem Brasileira  
Ementa

A enfermagem como prática historicamente determinada. Enfermagem pré-profissional: as ordens católicas, a corporação militar, os discursos médicos. O processo de secularização/laicização da enfermagem na 1ª. República e o advento da enfermagem moderna. Configurações dos cursos e da prática da enfermagem na sociedade brasileira. Estudos comparados com realidades locais, regionais e internacionais. Enfermagem e políticas sociais. A enfermagem como prática social. Impactos do desenvolvimento científico e tecnológico. O processo de cientifização da enfermagem e os cursos de pós-graduação. Raízes da identidade profissional. As questões de gênero, raça, classe social e religião na enfermagem. Atuação das entidades de classe na dinâmica social e política. A prática em História da Enfermagem: objetos de estudo, fontes para a pesquisa, abordagens teórico-metodológicas. O ensino da História da Enfermagem e o desenvolvimento de uma consciência crítica acerca da profissão.

Fundamentos do Cuidado de Enfermagem. 
Ementa

A ética na enfermagem. O objeto e o campo da ética profissional; fatores econômicos, sociais e ideológicos que interferem no fazer ético; os direitos da pessoa em sua trajetória vital. O corpo como categoria analítica do cuidar e ensinar na enfermagem. O corpo como categoria analítica; procedimentos teóricos, clínicos e interativos próprios da assistência de enfermagem e reabilitação preventiva; enfermagem como arte, prática e ciência na construção do conhecimento; contribuição dos cuidados para o marco conceitual da enfermagem fundamental.O cuidado de enfermagem e as práticas naturais de saúde. Contribuições da tecnologia da enfermagem para o marco conceitual da enfermagem fundamental; enfermagem como arte, prática e ciência na construção do conhecimento.Os paradigmas teóricos e a arte de cuidar.Paradigmas teóricos de enfermagem, contribuições das concepções teóricas para o marco conceitual da enfermagem fundamental; aplicações dos preceitos teóricos no cuidado de enfermagem.

Enfermagem em Saúde da Mulher. 
Ementa

Políticas de saúde da mulher e modelos de assistir e ensinar em saúde da mulher. As políticas de saúde da mulher, suas determinações históricas, condicionamentos sócio-econômicos e culturais. Os modelos de assistência em saúde da mulher e os programas especiais. Fundamentos teóricos e práticas operacionais. O ensino de enfermagem em saúde da mulher. Fundamentos filosóficos e práticas curriculares. A dinâmica entre as propostas governamentais e as necessidades e demandas sociais. O cotidiano de saúde da mulher: experiência e vivências. A mulher enquanto pessoa diante dos fatos e dos fenômenos do cotidiano, vivências e experiências e as questões da saúde e doença. Discussão da problemática compreensiva. Reflexos e reflexões para a enfermagem e para a área de saúde. A mulher e a maternidade em situações especiais. Questões teóricas e conceituais da maternagem. Reflexões sobre as condições inerentes às situações especiais envolvendo mãe e filho. Compreensão dos distúrbios mais freqüentes da maternagem. Concepções educacionais e psicossociais da maternidade. Reflexões sobre anormalidades no período perinatal. Investigação sobre a qualidade da assistência à saúde da mulher no ciclo grávido-puerperal e de modelos determinados nos padrões de qualidade total e da qualidade da assistência de enfermagem e da saúde integral à mulher. Estudo sobre a violência contra as mulheres e modelos de atendimento pelos profissionais de saúde.

Enfermagem em Saúde da Criança.
Ementa

Cuidar/Cuidado em Saúde da Criança e Adolescente . As bases filosóficas, teórico-metodológicas, ético-legais e sócio-históricas da saúde da criança e do adolescente no mundo da vida, da família e da comunidade. A estimulação e o desenvolvimento humano .O processo de crescimento e desenvolvimento na infância e adolescência e sua relação com a família e o contexto social. As teorias de desenvolvimento e a formação da personalidade e social da criança e adolescente.Modelos de Ensinar/Educar em Saúde da Criança e Adolescente . Os processos de assistir e de cuidar da criança e adolescente, centrado na família e na comunidade. Os modelos e práticas pedagógicas de educar para o cuidador. O cuidador como foco das práticas em saúde. A Enfermagem e os Novos Grupos Infantis. A determinação de novos grupos infantis no contexto social brasileiro e a definição de políticas públicas com enfoque na qualidade de vida dos sobreviventes das tecnologias e dos riscos sociais. A tecnologia e os conhecimentos científicos no processo de assistir/ cuidar. Atenção à Criança e Família na Saúde Coletiva. A criança no contexto social brasileiro. Os riscos sociais para crianças e adolescentes. O papel do Estado e da Sociedade na definição de políticas públicas de proteção à infância e adolescência. Os determinantes sócioculturais políticos e econômicos que influenciam o bem-estar e a qualidade de vida da criança e adolescente sob os cuidados da enfermagem nos ambientes hospitalar, domiciliar e da coletividade.

Enfermagem Hospitalar.
Ementa

O saber de enfermagem hospitalar.Investigações sobre a produção e síntese do conhecimento. Estudos sobre as articulações entre a Filosofia da Ciência e a Enfermagem Hospitalar: ensaios empírico-epistemológicos. Pesquisa sobre o enfoque de totalidade do conhecimento da área.Hospital, tecnologia e enfermagem hospitalar.Investigações sobre inovações de tecnologia. Estudos sobre técnica de enfermagem e procedimentos específicos e especializados. Pesquisa dos avanços tecnológicos relativos aos cuidados de enfermagem especializados e à adequação e utilização de equipamentos tecnológicos para a sustentação da vida.Cuidado de enfermagem hospitalar.Investigações sobre as dimensões do cuidado de enfermagem para clientes, em diversos cenários hospitalares – enfoques instrumental/ expressivo, objetivo/ subjetivo, individual/ grupal. Estudos sobre modelos e práticas de cuidado de enfermagem para clientela, em diferentes especialidades hospitalares – o processo de enfermagem com diversas perspectivas e práticas alternativas de cuidar. Pesquisas sobre a análise dos clientes hospitalizados, em situações que demandam cuidados especializados. Extensão das ações de Enfermagem Hospitalar - visita e cuidado domiciliar.Enfermagem hospitalar e seus profissionais. Investigação sobre o trabalho em saúde e a Enfermagem Hospitalar. Estudo sobre a divisão social e técnica do trabalho de enfermagem no âmbito do hospital: poder, classe e gênero. Pesquisas sobre a prática profissional, as condições e relações de trabalho na prática hospitalar.. Investigações sobre a identidade profissional da enfermeira. 

Gestão  em Saúde e Exercício Profissional em Enfermagem

Ementa 

Recursos humanos, liderança, modelos e tecnologias de gestão da enfermagem. Gerência da estrutura, processo e resultados do cuidar. Acreditação e gestão de qualidade. Comunicação e os nexos com a gerência e exercício profissional. Administração acadêmica 

Educação e Saúde em Enfermagem

Ementa 

Políticas Públicas em Educação e Exercício da Enfermagem. Processo pedagógico. Educação continuada/permanente. Ações educativas para saúde. Comunicação e nexos com ensino e prática. Habilidades e competências para o ensino e exercício da Enfermagem.

UFRJ EEAN - Escola de Enfermagem Anna Nery
Desenvolvido por: TIC/UFRJ